Comentários SemANAIS!!! (Keijo!!!!!!!!) #94 – Irmãs!!!!

comentarios-semanais-94NÃO PODE SER!!!!!! SÃO MUITOS PONTOS DE EXCLAMAÇÃO EM UM SÓ TÍTULO!!!!!YAHO!!!!!!!

… Okay, chega de pontos de exclamação. Ah, o que eu estou fazendo aqui? Nada de muito importante, só passeando pelo OtomeGatari, dando uma olhada em como está o blog e dando uma animada. Nada mais animador do que uma série semanal, não é?

Vocês podem estar se perguntando: “Mas Marcela, você não comenta nada semanalmente. Você não acompanha muitos mangás mainstream desde que Nisekoi acabou e a óbvia best girl ganhou. O que diabos está fazendo aqui, se não é pra falar de Symphogear?“. É um ponto muito válido, realmente. Adoro falar de Symphogear e poderia falar de Symphogear o dia inteiro nesse blog, mas tem outra coisa que capturou meu coração com a mesma intensidade… O nome disso é… KEIJO!!!!!!!!

Não é Keijo, não é Keijo! e nem Keijo?. É Keijo!!!!!!!!, com exatos oito pontos de exclamação.

Pra quem não conhece, é um mangá de esportes (sim, não é um hentai, é um legítimo mangá de esportes numa revista semanal shounen) sobre o maravilhoso esporte de apostas chamado Keijo, onde meninas competem em diversas arenas aquáticas para ver quem vai ser a última de pé – utilizando apenas seus peitos e suas bundas. O anime foi anunciado esse ano e vai estrear nessa quinta-feira lá no Japão. Poderia fazer comentários sobre ele, mas quem garante uma segunda temporada? E eu legitimamente amo esse mangá e estou acompanhando com todo hype possível. Para aquelas outras duas pessoas que leem Keijo além de mim, esse comentário é pra vocês! Vou começar os comentários a partir do capítulo que saiu hoje, que é o 94. Se você está interessado em Keijo e quer acompanhar o único comentário brasileiro (acho) a respeito deste mangá de alto renome, VÁ LER AGORA!

Agradecimentos ao @ojudeuateu, por me apresentar esse mangá incrível em Janeiro desse ano.

O COMENTÁRIO!!!!!!!!

q001Depois de uma série de consecutivas derrotas – um clichê relativamente esperado, já que o mangá precisa continuar por um bom tempo e a Nozomin já estava mais do que estabelecida como a “melhor” depois da guerra Leste-Oeste, ela finalmente descobre o que estava faltando para que conseguisse ingressar com mais força no mundo profissional de Keijo.

Um fato interessante a se considerar nesse mangá de esportes é como a comunidade de atletas não é aquele clássico de gente babaca com as novatas que “se destacaram”. Normalmente em situações como essas, você vê aquela novata que finalmente quebrou uma tradição, que era a derrota do Oeste, como uma inimiga que facilmente vai sobrepor as outras atletas que estão se esforçando na carreira faz algum tempo. Porém, na comunidade de Keijo, tem aquele elemento que mencionaram muitos capítulos atrás onde tudo que acontece na arena, fica na arena. Não importa quantas bundadas você leve da Fulana-san, no final do dia vão estar todas juntas comemorando e com a bunda pra cima. Literalmente.

banana-na-bundaProsseguindo na história e desconsiderando a corrida com a banana na bunda (as piadas simplesmente já vem prontas nesse mangá, não preciso nem me esforçar), achei meio estranho que a Hanabi ficou com a Shirayuki como “onee-sama”. A conexão entre a Shirayuki e a Nozomin no arco de treinamento com o arrancamento de rabanetes com bunda foi bem bacana, imaginei que se ela fosse precisar de ajuda no ramo profissional, seria justamente da Shirayuki. Porém, depois que o arco da escola terminou e que muitas personagens vão ficar de fora por um tempo por estarem em suas respectivas ligas competindo, eles realmente precisam introduzir novas personagens já que nos últimos capítulos tivemos apenas o núcleo principal Miyata-Nozomin.

soeurUm capítulo no geral mais parado e com um pouco mais de explicações sobre o mundo profissional de Keijo. Até agora só tivemos explicações com relações a técnicas, movimentos e os fatores mais físicos da coisa, e quase nada sobre como realmente funciona a comunidade de Keijo. Como trabalham as atletas e como elas são, além de claro, verdadeiros monstros com as bundas.

E, justamente o que a Nozomin não tem: experiência. Ela é uma excelente jogadora, e no nível de pessoas com menos experiência – outras alunas, como no caso da guerra Leste-Oeste -, consegue se sobressair por sua proeza física. Ou seja, quem tem a bundada mais forte consegue ganhar, ou no caso da luta dela contra a Maya, o mamilo mais duro.

Agora na liga profissional, é preciso de mais ~esperteza~ e malandragem, não apenas uma bundada que consegue arrancar o biquíni alheio. As vezes um olhar fala mais do que seus mamilos.

q014Depois de um pesado arco de torneio com a guerra Leste-Oeste e o descanso da reabilitação dos mamilos da Nozomin, o arco agora parece ser outro de treinamento. Estou bem animada com essa nova dupla, Nozomin e Sakuragi, porque eles trabalharam bem os opostos de maneira que provavelmente elas vão se complementar ao longo da história – a menina rica e habilidosa em Keijo com a pobretona malandra das ruas e novata. De todas as profissionais apresentadas até agora, a Sakuragi com certeza foi a que mais se destacou em termos de personalidade (m-m-moe!) e já está se encaixando pra ser uma das minhas favoritas, de tantas reações fofas.

E quando a Miyata-chan finalmente vai aparecer competindo no profissional? Até agora deu a entender que ela não participou de nenhuma corrida, ou se participou, não disseram os resultados.

Quero muito ver o biquíni que a Miyata-chan escolheu.

Advertisements

3 thoughts on “Comentários SemANAIS!!! (Keijo!!!!!!!!) #94 – Irmãs!!!!

  1. Tenho visto alguns ‘veículos de comunicação’ e vários espectadores criticando Keijo!!!!!!!! (Não é Keijo, não é Keijo! e nem Keijo?. É Keijo!!!!!!!!, com exatos oito pontos de exclamação-frase by Marcela) como uma serie erótica(assim como foi Masou Gakuen).É claro que situações eróticas de fanservice vão surgir (sei que o foco não é isso, mas o esporte em si já cria o fanservice),porém na verdade Keijo!!!!!!!! mostra realmente uma forte paixão pelo desporto.Não perco meu tempo,mas muitos usaram da seguinte forma para se referir ao mangá : “…Apaixonado por esporte o krl, isso é paixão por yuri. Tanto esporte feminino que não tem sua visibilidade, os caras criam “um esporte” só pra mostrar personagens de biquíni, e depois tentam defender falando de paixão esportiva…” ; “…o foco da obra é o fan service mesmo…” ; “…Com certeza os japas compram não é por causa do esporte…” ; observação,esse foi o comentário mais ridículo: “…Faça um exame mental de reversão(sim é o momento de invocar o yaoi): Tira as mulheres de biquíni dando bundada e imagine homens usando seus órgãos sexuais, quem acerta a bilada no outro primeiro ganha, pra não ir tão longe imagine eles apenas dando bundadas um no outro. Nessa liga se tem um jogador de basquete, um ginasta, um corredor, um nadador, um jogador de futebol americano, e todos treinam a arte da bilada para se tornarem o melhor, você chamaria isso de esporte? Veria ? Ou xingaria falando que é coisa de viado? Pra atrair essas mulheres que veem essas coisas?
    Se você quiser ver keijo, veja a vontade e seja feliz, mas não tem como convencer ninguém de que isso é um esporte…” .Não quis nem bater papo com tais pessoas de mentes fechadas,que nem tem a capacidade de parar e pensar que tais regras não necessariamente devem condizer com um esporte real? Pelo que saiba animes são obras de ficção na maioria das vezes,então seguem suas próprias regras,por assim dizer.Não quero obrigar ninguém a nada,só queria que fossem mais conscientes(para aqueles que não curtiram) e apenas não julgassem a obra baseando-se em imagens e sinopses,sem nem sequer conhecer o trabalho de Daichi Sorayomi(o engraçado que a maioria dessas pessoas que criticaram,devem ser os maiores “consumidores” de pornografia).

    P.S.: Em relação a Keijo!!!!!!!! só tenho a dizer que é um mangá com o qual me divirto muito;lamento por aqueles que estão enganados com relação a ideia central da série anime e do mangá.Aqui relatei minha opinião de forma geral (pois ainda estou no capítulo 29 pois comecei a ler na segunda metade do mês de setembro) e por isso não opinei em relação ao ponto de partida(capitulo 94).Agora é torcer para o estúdio do anime e a staff acertarem a mão e agradar ao público nesses futuro 12 episódios.Ah… já ia me esquecendo : estou baixando Symphogear,pois a Marcela praticamente me intimou a assistir kkkk;queria dizer que acompanho vocês (adoro) pelo facebook e sempre procuro visitar o blog;quase nunca opino(esta foi uma exceção)-minha humilde opinião-me desculpem pelos erros de pontuação e ortográficos,afinal,já é tarde da madrugada e meu café está acabando kkkkk.

    Atenciosamente,Jackson.

    • Agradeço muito pelo seu comentário, e sem dúvidas não podemos sair criticando alguma coisa só pela capa. Muitos dos meus animes favoritos são divulgados de maneira errônea e fazem as pessoas se afastarem deles (Symphogear, Cross Ange com o negócio do estupro, Prisma Illya pelas cenas de beijo e claro Monogatari, pelo “fanservice” de incesto e etc), não apreciando a obra em sua plenitude.

      Adoro Keijo, adoro o eventual fanservice que vem naturalmente do esporte em questão e estou adorando ele como mangá de esporte.

      Espero que você consiga logo chegar nos atuais e que venha comentar aqui sobre comigo! =)

Dê sua opinião!

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s