Comentários Zenmanais™ #10 – Caracol Temporal

Comentários Zenmanais Logo PrincipalMais uma chorosa finalização e mais uma participação especial!

Yaho! Essa semana mais um arco foi terminado, “Kabukimonogatari”, uma história excêntrica. Novamente a Segunda Fase mostrando que as melhores histórias ainda estão chegando e o que não falta é desenvolvimento e aprofundamento de personagens.

E mais uma vez trazemos no episódio final do arco uma participação especial ~de fora~ do nicho nichoso de Monogatari Series! Em Nekomonogatari Shiro tivemos o nobre Carlírio, transmitindo para nós sua sabedoria da década de 50 e até antes. Essa semana o nosso ilustre convidado é ninguém menos que o Judeu Ateu, lá do Mangás Underground! Foi um papo bacana. Só resta saber se ele é Gaharafag mesmo ou não… Bom, vejam no que deu.

ss (2013-09-08 at 10.39.59)

Judeu: Olha, queria começar falando que essa 2nd Season de Monogatari já foi cheia de surpresas pra mim. Não botava muita fé no arco da Black Hanekawa, mas este se tornou o meu arco favorito de toda a série.

Raigho: Hanekawa = Superior, sempre. Hahahaha.

Marcela: Pera, Black Hanekawa não, Hanekawa só.

Judeu: A superioridade dela é discutível, mas sem duvidas foi a personagem mais bem trabalhada até agora.

Raigho: SINTO CHEIRO DE GAHARAFAG NO AR. HMMMM.

Judeu: Just saying.

Raigho: Sei, sei…

Marcela: Ah cara… Se ele for Gaharafag, já pode cortar aqui. Sério.

Raigho: HAHAHAHAHAHA.

Judeu: hahahahahaha.

Marcela: Gaharafag = opinião inválida sobre qualquer coisa.

Raigho: Calma calma.

Judeu: Apesar de que depois desse episódio estou pensando em virar Mayoifag.

Raigho: SIM, MAYOI! Brincadeiras a parte, bem-vindo ao Zenmanal, Judeu! Nosso ilustre convidado, Judeu Ateu!

*palmas no auditório*

Judeu: Hehe, obrigado! É um prazer só.

Raigho: O prazer é nosso, logo após o Carlírio ter comentado, vimos que a coisa toda funciona muito bem quando alguém “””de fora””” decide comentar conosco, por isso pensamos em alguém que gostasse da série… e você logo veio a mente.

Marcela: É sempre bom ter opinião de outras pessoas que não tenham um altar pro Nisio Isin em casa.

Judeu: Obrigado pelo convite. Não sou um extremo aficionado por animes, mas de vez em quando aparece alguma coisa boa demais, que me conquista e resolvo ver. Monogatari foi assim.

Raigho: Sasuga! Bom gosto é foda!

Judeu: Vi que era um anime diferente e que valia a pena desde o primeiro episódio de Bakemono.  A coisa que mais gosto desse anime é a direção. O Shinobu é um cara criativo demais.

Raigho: Shinobu não! Shinbo! Akiyuki Shinbo!

Judeu: Shinbou.

Raigho: ShinobuShinbo. Shinbou. Para uma oração.

Marcela: Foi o excesso de Kiss-shot desse episódio, provavelmente…

Judeu: Hehehe.

Raigho: Com certeza~

ss (2013-09-08 at 10.42.03)

Marcela: Btw, quanto a direção que você mencionou, nesse episódio em questão o trabalho feito foi muito foda. A outra “carta”, dessa vez do Oshino, foi outro momento diferencial e único. Minimalista as hell, mas muito encantador.

Judeu: É! Gostei demais também dessa cena da carta do Oshino. Não achei que teve toda emoção da cena da carta da Hanekawa, mesmo porque os conceitos trazidos são diferentes, mas foi muito interessante.

Raigho: Uma é emocional, outra era… informativa.

Judeu: De qualquer forma é bem melhor do que fazer a Mayoi ler a carta, ou um cena do Oshiuno escrevendo. O que consigo imaginar que outros diretores fariam.

Raigho: Realmente… mas bem, diga diga, no geral quais eram as suas expectativas? Bem, tivémos o ~odiado por muitos~ Nisemonogatari que fez com que perdessem o carinho pela série, mas logo depois voltou com tudo em Neko (Kuro). E você, o que achou das coisas?

Judeu: Então, fico trsite que o pessoal fale tal mal de Nisemonogatari. Acho que o pessoal ficou um pouco assustado com a quantidade de fanservice e pouco história direta e concreta que o anime entregou. Mas pessoalmente, antes de 2nd Season, Nisemonogatari era o melhor dos dois. Acho honestamente que a cena da escovação de dente, é umas das cenas mais criativas, bem dirigidas e trabalhas que já vi num anime (ponto). [espaço para polêmica]

Raigho: DAT escova de dentes que mudou o mundo. Mas OLHA, eu pessoalmente reassisti Nise (na verdade, a série inteira) antes do começo de Zenmonogatari e eu curti realmente Nise, digo, o Fanservice não foi algo que me afastou… me soou mais uma experiência tanto do Nisio quanto do Shinbo. Como as pessoas iriam reagir, como tudo ficaria… fora que Monogatari é soberbo em todos os pequenos e delicados sentidos. E Nise tem uma OST sensacional.

Judeu: E eu até acho que o autor resgatou algumas coisas de Nise nessa temporada.

Marcela: Na verdade, acho que ele resgatou de Bake. Tanto na direção quanto na escrita… Pelo menos quando eu assisto alguns episódios de Zenmonogatari, sinto-me assistindo Bakemonogatari. Uma nostalgia estranha.

Judeu: Teve aquela cena do banho da Shinobu com o Araragi, dela falando em como ele poderia viver 500 anos assim como ela, vendo todos que ele ama morrendo, somente os dois sobrevivendo e ficando juntos no final. Foi quase isso que aconteceu quando ele voltaram pro futuro e não tinham encontrado a Mayoi ainda.

Raigho: Tudo em Monogatari está conectado, independente de pequenos pontos, mas tudo está ligado sim. A questão é pegar os pontos disso tudo… o que é relativamente bem complicado; Neko (Shiro) foi uma ~belezinha~ em cada cena, na carta, no estilo de direção onde alguns gringos chegaram a comentar que a animação não está uma “explosão” como ocorria em Nise no geral (discordo dessa ponto sobre a animação atual), mas no geral foi o final do cliclo de desenvolvimento!

Raigho: E tivemos um começo até lento agora em Kabuki… mas foi foda! A partir do 2-3 episódio… O que você achou dele, Judeu?

Judeu: O que tenho reparado é que quase todo arco de monogatari tem um começo bem lento pra arrancar na explosão no final. Então tento aproveitar o que o anime tem a oferecer mesmo no começo. Nos primeiros episódios desse arco, achei muito inteligente o jogo mental que o autor ficou fazendo com a gente sobre não termos certeza se a Shinobu fez os dois voltarem no tempo ou não. No começo, até pensava que a história seria sobre o Araragi pensando que voltou para o passado, mas na verdade estava no presente.

Raigho: Sim, porque ele meio que “desperta” pensando que só escorregou batendo a cabeça… mas o engraçado é imaginar que tecnicamente o mundo havia sido destruído… porque o Araragi não fez o dever de casa dele. Mas depois isso foi explicado.

Judeu: Mas sinceramente, esse arco realmente deveria ser da Shinobu e não da Mayoi. Acho essa uma reclamação válida que muita gente fez. Não tem muita diferença, mas é quase comose o autor etivesse querendo fugir da Hachikuji. Não quer desenvolver ela demais.

Raigho: A lógica desse arco meio que funciona como “Fênix Tsukihi” onde a Karen teve mais tempo do que a própria protagonista do arco, acho que seria meio que “Olha, ela é a base do arco, mas o desenvolvimento não é dela hein”… Ou algum pensamento assim.

Marcela: A Hachikuji funcionou como o gatilho de tudo que aconteceu no arco, por isso levou o nome dela. Mesmo que o foco tenha sido da Shinobu nos momentos seguintes, um pequeno desenvolvimento foi feito ao redor da Mayoi. Principalmente na conversa do Araragi com a Yotsugi, quando eles começam a discutir a respeito dos que “morreram”.

Judeu: Sim, concordo. E fazendo justiça, acho que a participação final dela muito importante. Ela falando que a morte dela não foi algo feliz, mas que ela encontrou felicidade por conhecer o Araragi, é algo muito significativo para toda a temático de Kabuki, que é sobre arrependimento (pra mim pelo menos).

ss (2013-09-08 at 10.40.16)

Raigho: Sim, sobre voltar no tempo, corrigir algo, estar satisfeito sobre como algo na vida ocorreu… mas antes de chegarmos ao fim, vamos pelo começo! O episódio 3 do Arco “Mayoi Jiangshi” tinha terminado com Araragi/Shinobu cercados pelos ditos cujos “Jiangshi”, que não são “zumbis” mas algo como “corpos vivos”; e que começo de episódio incrível! O araragi pensando “Centenas? Dezenas?” e repentinamente- PÁ! AQUELA CHUVA DE ARROZ!

ss (2013-09-08 at 10.40.53)

Judeu: Né! Gostei muito dessa aparição da Mayoi, não sei como é que não esperava por isso! E dava pra ver que ela era uma pessoa que tentava viver sem arrependimentos mesmo nesse futuro apocaliptico. Acho que a importância no arco dela estava nessas duas cenas.

Marcela: Nessa aparição dela eu acho que funciona o mesmo destino que eles mencionaram antes. Mesmo o Araragi tendo salvo a Hachikuji e supostamente “nunca iria conhecer ela”, encontrou uma Hachikuji viva e já crescida. Por intermédios do Oshino ou não, o encontro aconteceu (ao contrário do que o próprio Araragi disse, de nunca ter encontrado a Hachikuji na rota “X”).

ss (2013-09-08 at 10.43.16) ss (2013-09-08 at 10.43.34)

Raigho: Mas… o que foi aquela carata? NÃO, O QUE FOI AQUELA CARTA? GEEEEEEENTE, EU ACHEI DEMAIS HAHUSHKSJSGJASSA. Foi quase na mesma base da Carta da Hanekawa, a narrativa muda completamente, se tornou algo minimalista! Ambas as linhas definidas, a explicação de que o Araragi/Shinobu foram parar em uma outra rota alternativa… na explicação os “pingos” se multiplicando como exemplo sobre o funcionamento dos “Jiangshis”, o Oshino caminhando, escalando… percalços. Foi incrível.

ss (2013-09-08 at 10.43.54)

Marcela: Aqueles momentos de CGI 3D foram BRILHANTES! Deu um toque muito SHAFT porque as mãos pareciam incompletas, mal feitas, com os traços de esboço lá. Mas foi aquela coisa bem experimental e criativa típica deles.

ss (2013-09-08 at 10.42.39)

Judeu: A mão pegando na pedra em CGI foi muito foda mesmo! Quase um arrepio me deu nessa hora. Achei boa, mas é aquilo que você falou também, mais informativa do que qualquer outra coisa. E eu na verdade não estava muito interessado na explicação das linhas paralelas e todo o mais, não acho que isso acrecentou muito a história. Sei lá.

ss (2013-09-08 at 10.41.41) ss (2013-09-08 at 10.44.33)

Raigho: Sim, mas ainda assim ficou bacana, o modo como o Oshino sacou a coisa toda e etc. Após essa cena, foi bonita a emoção do Araragi ao ver que existia um mundo no qual a Hachikuji tinha ficado mais velha, que ela tinha sobrevivido. Ele quase chorou, ficou emudecido; até mesmo a Shinobu ficou chocada com esse fato mas a Hachikuji mencionar “Nós nos conhecemos de algum lugar?” foi a cereja do bolo! Foi tão… chorável. Aquilo de destinos, pessoas se reencontrarem.

Marcela: E o Araragi continuar namorando a Senjougahara… Sigh…

Raigho: EM TODA FUCKING LINHA TEMPORAL ELE NAMORA ELA. MANO, NISIO QUE DR- Enfim.

Judeu: Foram feitos um para o outro, em qualquer linha, não tem jeito.

ss (2013-09-08 at 10.45.13)

Marcela: Inaceitável… Welp, esse episódio apesar de finalizar o arco e ter um senso de perigo muito grande nele, teve alguns episódios bem… Coloridos. Aquela caminhada dos dois, Shinobu e Araragi, no campo de flores…

ss (2013-09-08 at 10.44.55)

Raigho: SIM! SIM, ESSA CAMINHADA! O modo como o Araragi tava risonho, tipo um peso saiu das costas dele e ele simplesmente sorria! E NOTA para o fato do céu/cenário estarem na mesma cor da “Novel”, a mesma palheta de cores.

Marcela: A caminhada triunfal a caminho da morte. ” Pelo menos nós dois vamos morrer juntos “.

Judeu: Achei até um pouco colorido e feliz DEMAIS. Foi quase propositalmente sarcástico pra mim, como se as coisas fossem felizes assim somente na máscara.

ss (2013-09-08 at 10.45.37)

Raigho: Não tinha pensando assim, na verdade, provavelmente foi isso. E foi interessante que MAIS UMA VEZ foi mencionada COISAS DE KIZUMONOGATARI (Sim, Akiyuki Shinbo, estou encarando você e a sua não-adaptação de Kizu); a promessa de que ambos morrerriam juntos, o fortalecimento dos laços, uma menção logo depois da Shinobu dizendo “Você tentou se matar como ele” e esse “ele” referente ao primeiro parceiro que ela teve. O segundo foi o Araragi. O impacto das coisas meio que se perde.

Marcela: Antes do suposto confronto final, é válido mencionar uma reflexão do Araragi que eu achei muito emocionante: sobre o jeito como o mundo mudou só porque a Hachikuji continuou viva, ele dizendo que é como se ela não fosse necessária para o mundo. Ao mesmo tempo que ela foi necessária pra impedir que o mundo ficasse assim…

Raigho: Nunca sabemos o impacto das pessoas em determinadas coisas até que “algo” aconteça. Válido.

ss (2013-09-08 at 10.46.06)

Judeu: Você, Raigho, tinha me falado antes também, que não conhecendo Kizumongatari, muito da história e da construção da Shinobu se perde. E mesmo eu, que nem li Kizu, deve admitir que isso é verdade, não sei falar o que exatamente faltou, mas as coisas estavam um pouco suspensas e vagas demais. Foi uma pena a Shaft não ter seguido a ordem cronológica, IMO. Não acho, nem de longe, um arco perdido se jogado assim no meio. Puta que pariu, eu literalmente chorei com a Kiss-shot pedindo a própria morte, acho que justamente porque essa foi a primeira vez que eu vi ela na história, mas realmente ficou faltando.

Marcela: Fica meio embaçado o que ela é, como ela é, seus pensamentos, o que ela passou… Aquele negócio de aprender o passado pra entender o presente.

Raigho: Não foi perdido mesmo, mas é naquelas.. Kizu passaria uma coisa maior. Enfim…

Judeu: É, é um arco sobre arrpendimentos. É difícil falar sobre os arrependimentos dela, se a gente não sabe quais são (tirando matar o mundo inteiro e tal).

ss (2013-09-08 at 10.46.26)

Raigho: Quando eles subiram a escada toda do Templo da Cobra Setentrional com a Shinobu explicando como os “Jiangshis” são, suas ações e definições… quando eles chegaram ao topo e a SHinobu urrou (e que urro!), quando a Kiss-shot surgiu… a cena toda ficou branca. Aquele colorido todo desapareceu. A cena pesou.

ss (2013-09-08 at 11.08.52)

Marcela: Uma curiosidade: a paleta de cores do momento em que eles vão se encontrar com a Kiss-shot é muito parecida com a da luta Rainy Devil x Araragi (ou melhor, tortura e jogo de cowboy). Pra mim pareceu até um falso-anúncio de carnificina.

Judeu: Ah, parecia mesmo! Essas inversões de cores né! Realmente, deve ter sido planejado, imagino eu.

ss (2013-09-08 at 10.53.58) ss (2013-09-08 at 10.54.20)

Raigho: E só da Kiss-shot ter visto a proximidade entre Araragi/Shinobu, algo que ela mesma poderia ter obtido… literalmente chorou sangue. A shinobu (da rota A) chorou sangue com a sua outra “eu” (da rota X), uma gritando “Eu não sei por que aconteceu isso contigo!” e a outra “Nem seu sei por que tudo deu certo com você”… ela ali baixou a guarda e revelou como se sentia. A maior abertura emocional dela foi realmente ali, ela dizendo que por ciúmes (LÁ em Bakemono, quando ela estava indo embora no arco “Gata Tsubasa), ciúmes do Araragi não reconhecer ela como Kai//Mulher e sim como uma “pirralha”. (Inb4, quando a Kiss-shot dá risada, a palheta some e tudo fica vermelho, melhores mudanças de cor).

Marcela: Lembranças de Nekomonogatari Shiro, o sofrimento das personagens completamente a flor da pele… O que é algo mágico, principalmente da maneira como é passado: visualmente falando, também a dublagem e principalmente as falas, tudo trabalha em harmonia pra que você sinta exatamente o que a personagem está sentindo. Assim como a dor da Hanekawa ao aceitar o Kako, a dor da Kiss-shot ao ver o sucesso da outra eu dela e o enorme peso de seu fracasso, foi repassada perfeitamente. Todo o desenvolvimento e aprofundamento das personagens que foi planejado pra essa Segunda Fase em movimento.

Raigho: Sim… e existe gente dizendo que “HURR DURR Araragi faz falta”, PFVR. OK, ele apareceu nesse arco, mas… menos. Bem menos.

ss (2013-09-08 at 10.53.28) ss (2013-09-08 at 10.55.14)

Judeu: Também achei que foi tudo harmoniozo nessa confissão dela. Logo no momento em que o Oshino revelou que ela falhou em cometer suicidio, me pesou o conceito de como ela poderia estar agora. E quando a personagem começou a rir histéricamente, já pensei “Ok, fudeu, ela ficou louca” e disso pra “não vei ter luta”, foi uma cacetada de revelações pesadas mesmo. Principalmente com ela pedindo cafuné do Araragi, você vê aquele ser tão poderoso, tão fragilizado… eu chorei.

ss (2013-09-08 at 10.55.34)

Raigho: A Kiss-shot ficou tão realizada que… desistiu. Ela ficou tão feliz com “Nossa, uma rota na qual eu fui feliz”. E como o Judeu mencionou, ela só pediu um cafuné. E o prazer dela, ela estava aliviada. E a Shinobu (rota A) acabou consigo mesma… por mais estranho que soe. Foi poético.

Judeu: Mas é triste ao mesmo, porque no final, a única verdadeira saida pra ela foi a morte. E acho interessante que até pra conseguir isso (a morte) ela teve que pedir ajuda pra outros.

Raigho: Mas se pensarmos, no contexto da promessa feita entre Araragi/Shinobu, foi o final merecido e que ela desejava. A própria Shinobu (rota A) mencionou que ela estava feliz com isso, de que a morte da Kiss-shot (rota X) foi algo bom. Mas é triste, uma imortal, pedindo ajuda.

Marcela: Achei ligeiramente estranho como ela mesma, grande vampira, não conseguiu se matar, mas em Kizumonogatari mesmo estando em sua melhor forma, quase morreu.

Raigho: Mas em Kizu, ela só apanhou MUITO, morta ela estaria se o Araragi tivesse realmente mordido ela.

Judeu: Acho que foi mais pra falta de coragem e força de vontade do que de capacidade. Ela não conseguiu mentalmente se matar, acho. Tenta que ela tentou se jogar no fogo, não foi isso?

Raigho: Não, “luz do dia” queima como.. o inferno, heh. Ela foi até a luz do sol, mas a imortalidade dela é mais veloz do que o sol queima. Foi apenas dor.

Judeu: Ah tá.

Raigho: A recuperação dela é tão veloz que ainda que a luz do sol quase acabasse com ela, não dava tempo.

Marcela: Ser vampiro deve ser um saco. Acho que de todas as kaiis e mesmo fugindo do universo do Nisio e indo pro sobrenatural ocidental, continua sendo um saco. É um sofrimento eterno. Vai ter que assistir todos quem ama morrer, a não ser que dê a eles o mesmo destino. É temido e tem que se esconder…

Judeu: Sempre achei essa temática da imortalidade como castigo muito interessante. Monogatari com certeza trouxe isso de uma forma bem própria. Esse arco me deu muita vontade de ver Kizu logo, a Kiiss-shot é uma personagem interessante demais.

ss (2013-09-08 at 10.55.54) (1) ss (2013-09-08 at 10.56.11)

Raigho: Eu fiz um resumo bem bacana de Kizu *cof cof* e comentários *cof* *cof*. B-Bem, após tudo isso, o desfecho do arco foi muito bonito. Ele reencontrando a Mayoi, ela AGARRANDO E JOGANDO ELE PRO ALTO (Menção para a “pista de corrida” que apareceu em Nise e o Araragi parecer literalmente um boneco), ele todo “AH MEU DEUS, SERÁ QUE ESTOU NO MUNDO CERTO?”; daí a Hachikuji encarando e respondendo quando ele pergunta “Você gostaria de estar viva?”… Ela foi tão sincera.  “Estou infeliz por ter morrido e virado um fantasma, mas encontrei você, então tudo bem”

Marcela: Mas foi bem triste que depois de todo esforço de viajar no tempo, o Arararagi nem conseguiu fazer a lição das férias. Estaria extremamente frustrada se estivesse no lugar dele…

ss (2013-09-08 at 10.56.53)

Judeu: Achei essa cena dela linda demais. Depois de toda aquela tragédia, ver esse momento clássico de desconstração e alívio cômco entre os dois personagens, foi muito relaxante. Terminei de ver o episódio sorrindo.

Marcela: Senti a conexão quando ele mencionou a cerimônia de abertura, a Hanekawa e a Senjougahara esperando por ele… Comecei a pensar “Epa, Nekomonogatari Shiro tá prestes a acontecer”.

Raigho: …..Seria daora se tivesse rolado uma narrativa tipo “Contudo, ninguém contava que 15 minutos depois enquanto eu caminhava para a escola com a Hachikuji um ser que controla o tempo-destino nos encontrou.”

Marcela: M-mas aí as pessoas ficariam frustradas com Otorimonogatari, a próxima novel!

Raigho: E sim Judeu, caso não tenha entendido bem, a treta de “Kabuki” tem ainda alguns efeitos colaterais que só são contados em “Onimonogatari” que por sinal NÃO é a próxima novel. : Sim, cronologia sempre 10.

Marcela: Lembrando que ainda ia ter Hanamonogatari depois disso, que se passa quase um ano depois.

Judeu: … Puta que pariu.

Raigho: Hahahahaha sim. Vai dar outra merda essa viagem no tempo.

Judeu: Sério, POR QUÊ?

Marcela: Olha, é mais ou menos o seguinte: Kabukimonogatari começa antes de Nekomonogatari Shiro e termina EXATAMENTE no dia que começa Nekomonogatari Shiro. Só que, ao mesmo tempo que Shiro começa, Oni TAMBÉM começa.

Raigho: O Araragi vai ser meio ferido/ficar ferrado, a Hachikuji vai ser perseguida, vai rolar umas coisas envolvendo Karma, “ir adiante”… tudo em Oni.

Judeu: Ahhhhhhh…

Marcela: Oni e Shiro vão acontecendo ao mesmo tempo e terminam quase ao mesmo tempo também. A mensagem que o Araragi manda pra Hanekawa e pra Gahara lá no primeiro episódio de Shiro e a mensagem que ele manda pra Kanbaru no 3/4 é tudo resultado de Oni. A conexão dele e da Shinobu sendo quebrada e ele voltando de roupa rasgada pra salvar a Hanekawa…

Raigho: O cursinho em chamas, o Araragi ter estado lá… Oni/Shiro ocorrem ao mesmo tempo.

Judeu: Estou ansioso.

Raigho: Mas o próximo arco vai ser cronologicamente “adiante”, “Otorimonogatari” será com a LOLI, Sengoku Nadeko. A derrocada dela. A transformação dela.

Marcela: O Nisio é troll pra caramba mesmo. Ele termina Kabuki e entra com Hanamonogatari, MESES depois de tudo. Aparece com Otori, um pouco depois… E SÓ EM ONI retoma exatamente onde acabou Kabuki. É uma cagada.

Raigho: Mas Hana foi “excluído” dessa adaptação, só ano que vem!

Judeu: Não boto muita fé nela como personagem, mas também não apostava na Mayoi. Quero ver o que vai dar nesse arco.

Marcela: EPA. EPA.

Raigho: VIU? VIU? SE FODE AE.

Marcela: CHAMA O RUBIO QUE ELE VAI CONCORDAR COMIGO.

Raigho: NINGUÉM GOSTA DA LOLI. KD SEU DEUS AGORA?

Marcela: Meu deus é a Nadeko.

Judeu: CHAMAR O RUBIO PRA DEFENDER LOLI?

Marcela: Madoka e Haruhi que se fodam. Nadeko é a deusa de verdade.

Raigho: AGHJGKSSSS HUEEEEEEEEEEEEEEEEEEE!

Judeu: Tá apelando ai.

Raigho: OK OK VAMOS PERDER O FOCO. CALMA CALMA.

Judeu: Hahahahaha.

Raigho: Enfim… o que achou do arco no geral, Judeu? Uma impressão final.

Marcela: É, antes que a briga retome aqui…

Judeu: Olha, não foi o meu arco favorito, mas gostei muito do que vi. Teve aquele negócio da falta do Kizu, mas deu pra aproveitar bem mesmo assim, acho muito facilmente identificável a mensagem de arrependimento que o anime tenta passar. Apesar da tragédia, é fácil se colocar no lugar da Kiss-Shot e isso vale muito pra mim. Mas é, não teve Hitagi então nota 2/20.

Marcela: Ok, ele tá fora. Não chamamos mais. Pode ir.

Judeu: Hahahahaha.

Raigho: Hueeeeeeeeeeeee!

Judeu: Brincando, brincando.

Raigho: Bem, foi um ótimo arco. Quer fechar, Marcela?

Marcela: Só queria dizer que: 5 episódios. Até daqui a duas semanas.

ss (2013-09-07 at 11.42.41)

Um conselho pro Shurararagi-san.

Advertisements

21 thoughts on “Comentários Zenmanais™ #10 – Caracol Temporal

  1. Adorei o episódio, em especial a aparição da Mayoi e é claro da Kiss-Shot. E caramba viu como o Oshino é foda deduzindo tudo o que aconteceu a partir de um fato tão distante como o salvamento de uma garotinha e ainda arranjar um jeito de consertar tudo. Mas como foi comentado aí no post ainda me resta a dúvida de como uma vampira tão Overpower quanto a Kiss-Shot foi deixada naquele estado deplorável em que o Araragi a encontra em Kizu. Obrigado pela ótima review do episódio.

    PS: Será que na linha alternativa depois de matar o Araragi a Hanekawa foi morta pela Senjougahara?

    • A Kiss-shot PERMITIU ser ~abatida~ pelos 3 caçadores, porém na hora de morrer arregou. Daí o Araragi vislumbrou ela e… Kizu começou.

  2. Eu também me pergunto como ela ficou despedaçada no kizu, por que não conseguiram fazer isso denovo? Poderia ter um spin off desse universo alternativo.

    Mas sério, essa parte da carta, foi tipo, WOW. O oshino é incrivel cara, e junto dessa animação, nossa o.O’ Mas, realmente, eu esperava mesmo que a kiss-shot pedisse pro araragi fazer um carinho ou dar um abraço nela, poxa, ela amava( amava? .-.) o araragi e o coitado morre, poxa, ao menos eu ficaria feliz em ver a pessoa viva denovo. Foi muito legal esse episódio, ainda mais com essa série me surpeendendo cada vez mais xD

  3. Fiquei aqui com esta incomoda sensação de que “não tive o suficiente da Hachikuji grande”.

    Pensando sobre, descobri porque a sobrevivência dela é tão catastrófica, mundialmente falando: é que a Mayoi viva facilmente desbancaria a Senjougahara, criando uma anomalia temporal onde o Araragi namoraria outra garota.

    • Como assim? O araragi da outra dimensão também namora com a senjougahara. E a história seguiu 99% igual, até o araragi morrer, é claro. ( o da dimensão x.)

    • Mas na carta do Oshino é dito que o Araragi namorou a Senjougahara, mesmo na linha do tempo onde a Hachikuji estava viva. Araragi e Senjougahara foram feitos um pro outro 😉

  4. Uma duvida, esse nome da Kiss-Shot e tão grande por que ?? ele tem algum significado??
    acredito eu que sim, pq ate agora nada em monogatari tem sido a toa , sem algum significado!

    esse arco foi muito bom, mas esperava que ele voltasse no dia 14 da rota x e impedisse a Kiss-Shot de fazer tudo aquilo.

    Pq nei na rota X o Araragi fica com a hanekawa ?? mas a esperança e a ultima que morre então acredito eu que vai ter uma rota Y, W, Z ou qualquer outra que ele escolha a hanekawa

  5. Eu não entendi algumas coisas nesse arco.
    O fato de araragi morre para black Hanekawa, ele era imortal, como ele poderia morre?
    Na linha de tempo A quem fala pra ele sobre a sinobu e a hachikuji pq ver ela na frente de lojas de donuts, ta ate ai tudo bem, mas a sinobu estava escondida na sombra dele, ele não encontrou ela.
    e se foi mesmo a black Hanekawa que matou ele, como a Hanekawa se sentiu depois que descobriu isso? E a Senjougahara ?

    Mais uma duvida, mas sobre o arco anterior. A habilidade do sawari neko e o dreno de energia, mas pq quando araragi acariciou a Hanekawa/black Hanekawa não aconteceu nada com ele ??

    acho que por enquanto e so isso. Se alguem souber responde algumas dessas duvidas eu ficarei feliz xD!

    • 1- O Araragi não é imortal, ele só tem poderes regenerativos. Ele só se recupera de ferimentos não fatasi e o Energy Drain da Black Hanekawa influencia no poder de cura dele. Lembre-se de Neko Kuro, onde ela arrancou o braço dele fora e foi preciso o poder da Shinobu e muito descanso pra que ele voltasse ao normal.Então sim, a Black Hanekawa pode matar ele.

      2- Ele nem sabia que a Shinobu havia desaparecido, logo, nunca foi procurar ela. Acredito que no meio tempo onde ele procura, ela foi para a sombra dele (lembrando que até o Oshino ir embora ela sempre ficava nas ruínas)

      3- A Hanekawa não se lembra de nada enquanto está como Black Hanekawa e nem sabe que está virando a Black Hanekawa. Além disso, as duas nem devem ter tido tanto tempo para uma reação, considerando que nesse dia ou um pouco depois a Kiss-shot destruiu o mundo.

      4- Minha suspeita quanto a isso é pelo fato de, apesar de absorvido a Black Hanekawa, quem estava lá ainda era a Hanekawa, talvez ela não tenha o controle sobre as habilidades da kaii (quem lutou contra o Kako foi a Black Hanekawa. A Hanekawa só conversou antes). Se a habilidade se conservasse, após absorver o Kako e a Black Hanekawa, ela teria muitos problemas quanto a isso, né?

      Espero ter esclarecido tudo. ^^

  6. 2- Mas quando ele estava conversando com Oshino sobre como trazer Hanekawa devolta ele percebe que não viu a Shinobu en nenhum canto das Ruinas, ai Ele pergunta onde ela esta, Ele responde que ela saiu en uma jornada para se encontra. depois disso ele sai para procurala ou seja hachikuji so não ter mencionado não faria muito diferença pois ele iria procura Shinobu de qualquer maneira para trazer Hanekawa devolta.

    3- Ceto, entendi! Mas com a morte de Kiss-shot elas não voltaram ao normal junto com todos os outro zumbis? Nesse questão não da para saber pq não e mecionado oque aconteceu com os personagem do Mundo X depois da morte de Kiss-shot(isso se ela morreu mesmo,vai saber Né), mas fiquei curioso, para saber oque Senjougahara faria ao descobri que Black Hanekawa matou Araragi.

    Obrigado Por respoder, consegui comprender melhor e tira umas duvidas. Mas so mais uma duvida boba, Pq as vezes Shinobu chama araragi de mestre mais em Neko Kuro chama ele de servo, que ate akela garotinha de cabelo verde pergunta pra ele se ele e o mestre ou o servo, e Kiss-shot chama ele de servo

    • 2- Mas foi especificado pelo próprio Araragi que a Hachikuji que deu direções pra ele procurar a Shinobu. Ele não procuraria a Shinobu se não tivesse as info da Hachikuji (e também só ligou pras outras meninas depois de saber disso dela).

      3- Ninguém sabe, afinal, não vimos como ficou o mundo após a “morte” da Kiss Shot. Foi dito que alguns voltariam ao normal e outros não porque já haviam morrido durante a confusão toda da destruição do mundo. Acredito que a Senjougahara seria uma das primeiras a morrer, então nem saberia de nada. 😉

      Inicialmente ele realmente era um servo da Kiss Shot, afinal, quem ela transforma em vampiro se torna servo dela. Entretanto, devido a condição inferior a qual ela foi submetida, os papéis acabaram se invertendo, principalmente pelo fato dela depender do Araragi pra continuar viva.

  7. Obrigado por tira minhas duvidas, entendi tudo.
    E que não conheço niguem que goste de monogatari ai não da para debate assutos como esse, gostei muito do blog, pretendo entra com frequencia xD!

    so mais uma coisa, eu estava revendo os episodios da Gata Tsubasa e o episodio 12 que e o encontro dele com Senjougahara ele diz que e dia 13 de Junho e não 14, e relamente se passa e o acontecimento com Hanekawa foi relamente no dia seguinte dia 14 mais sinobu diz que o encontro com Senjougahara foi dia 14. mas acredito eu que isso seja um pequeno erro de adaptação

  8. Marcela, to contigo! Madoka? Haruhi? haha, Nakedo come elas só com colher! Otori chegou pra marcar!
    Obs: Review incrível como sempre, estou na espera da próxima ^^

  9. Coitada da Kiss-shot/Shinobu a vida inteira dela foi um tormento, para mim ela é a personagem mais triste e a que eu mais gosto porque eu sinto a dor dela e compreendo ela, afinal se eu estivesse no lugar dela acho que também ficaria louco e confuso com as coisas que ela fez ou aconteceram com ela. Mesmo com tanto poder ela ainda consegue demonstrar que errou e se arrepender do que fez e mais uma vez o sofrimento dela vem à tona. 😥

Dê sua opinião!

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s